Os números são um espelho de um problema que persiste na sociedade portuguesa, a violência doméstica tem o rosto das suas vítimas e constitui um atentado à individualidade e dignidade humana, um crime que exige um combate transversal. 

O Município de Cascais, através do Fórum Municipal contra a Violência Doméstica (FMCVD), desenvolve desde 2003, uma intervenção integrada e interdisciplinar, tendo como missão prevenir e combater a violência doméstica no concelho de Cascais através da articulação institucional. Conheça mais neste link.

Violência doméstica

 

  • Situações de violência doméstica registadas pelas forças de segurança no concelho de Cascais (PSP, GNR), 2022.
     
  • ​​​​​​​455 é a média anual de situações apresentadas
  • Sexo das vítimas:
    • 82% femininas
    • 18% masculinas
       
  • Sexo dos agressores:
    • 17% femininos
    • 83% masculinos
       
  • 85% das situações ocorrem no contexto de relações de intimidade presente ou passada
     
  • 607 crianças e jovens foram sinalizadas à CPCJ Cascais como
    vítimas de violência doméstica em 2022


     
  • Tenha acesso a mais dados no link