Passar para o conteúdo principal
x

Estudo da Privação Material de Cascais

O presente Estudo foi desenvolvido no ano de 2017 no âmbito da PRAPM – Plataforma de Recursos de Apoio na Privação Material de Cascais, sob a coordenação da Câmara Municipal de Cascais – Divisão de Desenvolvimento de Recursos Sociais e tem por finalidade conhecer, de uma forma global, a realidade e o nível de satisfação dos beneficiários do apoio  do Banco Alimentar Contra a Fome (BACF) através das instituições particulares de solidariedade social do concelho de Cascais que integram o Programa Cascais + Solidário.

Abrangeu uma amostra representativa de um total de 2.790famílias apoiadas em 2017 a que correspondem 7.653 munícipesdeCascais, de 31Instituições sem fins lucrativos.

OBJETIVOS DO ESTUDO

  • Conhecer e caracterizar os beneficiários dos BACF do concelho de Cascais
  • Avaliar o seu nível de satisfação relativamente aos mecanismos e condições do apoio na privação material
  • Avaliar o seu nível de satisfação relativamente aos bens alimentares que recebem (frequência, quantidade, qualidade e variedade) regularidade do apoio e modalidades de entrega
  • Conhecer a forma como percecionam a sua situação de pobreza/privação
  • Perceber de que forma os beneficiários dos apoios consideram que a sua situação se alterou desde que são apoiados